Tratamento Cirúrgico

A cirurgia é indicada para pacientes com curvas importantes, acima de 45 a 50 graus, na curva torácica - ou 40 graus na curva lombar. A operação torna-se necessária devido ao fato que curvas acima desses valores tendem a continuar progredindo mesmo após o término do crescimento do paciente.


A cirurgia realizada é a artrodese da coluna e consiste na colocação de parafusos de fixação em hastes, após a realização de manobras para correção das curvas. É necessário a utilização de enxerto ósseo que pode ser do próprio paciente ou de banco de tecidos. Os implantes podem ser de titânio ou de cromo-cobalto e raramente precisam ser removidos.


O planejamento cirúrgico é individualizado e leva em conta os valores angulares das curvas, sua flexibilidade e rotação. Além da idade do paciente e localização da escoliose.


O período de recuperação varia de acordo com o tamanho da cirurgia realizada e os procedimentos necessários para a correção. Atualmente, com as técnicas utilizadas por nossa equipe, os pacientes costumam sair da cama e caminhar no primeiro ou segundo dia após a cirurgia. Realizar pequenas caminhadas é importante para uma recuperação mais rápida e com menores índices de dor. O tempo de internação depende do controle adequado da dor e de o paciente restabelecer a mobilidade; costuma variar entre 3 a 4 dias.


É essencial um bom preparo pré-operatório feito pelo paciente, com exames completos, assim como seguir as recomendações médicas, com repouso de atividades físicas e uso adequado dos medicamentos no pós-operatório, para alcançar os melhores resultados possíveis. 

A INFORMAÇÃO é fundamental no pós-operatório. Pacientes e familiares bem informados sobre a rotina pós-cirúrgica e os passos da recuperação passam por essa experiência de forma mais tranquila e menos traumática.